A cidade do norte do Paraná, conhecida como a mais transparente do estado, é também a que tem opções de lazer gratuitas ou preço bem acessível! Então, a diversão e economia estão garantidas. 

A cidade do norte do Paraná, conhecida como a mais transparente do estado, é também a que tem opções de lazer gratuitas ou preço bem acessível! Então, a diversão e economia estão garantidas. 

Aproveite também a viagem de ônibus que é uma maneira de vivenciar uma experiência muito interessante e econômica!

Siga a Fepasc no Instagram! Clique aqui!

Visite o Museu Histórico de Londrina. Construído na antiga Estação Ferroviária da cidade, o museu tem como premissa resgatar e preservar o patrimônio cultural de Londrina. Atualmente é dividido em três setores: Imagem e Som, Objetos e a Biblioteca e Documentação. A entrada é grátis! Fica a dica!

Pra curtir uma bela paisagem, você pode ir ver o pôr do Sol, no Lago Igapó, que é um dos cartões-postais da cidade. O lago é a área de lazer preferida dos moradores! E quem sabe você se anima e faz um piquenique no Aterro do Lago!

Seguindo na vibe de passeios ao ar livre, dê um pulinho no Jardim Botânico, um espaço agradável tanto para caminhadas leves, percorrendo a pista que rodeia o lago, quanto aproveitar as trilhas ecológicas em meio à mata nativa e ainda mais uma opção gratuita! Vale a pena registrar e fazer belas fotos para viralizar nas redes sociais!

No âmbito de parques e espaços abertos, você vai encontrar também o Parque Arthur Thomas, que é considerado um dos pontos mais bonitos de Londrina e tem como principal atração a primeira usina elétrica que começou a fornecer energia para a cidade, em 1930, hoje desativada.

Para quem se interessa por astronomia, a pedida é o Planetário de Londrina, que é aberto de segunda a sexta, de manhã e à noite. As atrações incluem projeções de estrelas (utilizando equipamento que simula o céu no teto da construção, em forma de cúpula), exibição de filmes e documentários e eventos relacionados à astronomia – como observação de eclipses solares e lunares. O ingresso é acessível e custa R$ 3,00 e vai te surpreender! O planetário faz parte do Museu de Ciência e Tecnologia da UEL (Universidade Estadual de Londrina) e fica na região central da cidade.

Para os dias quentes de Londrina, você pode curtir o Salto do Apucaraninha, que é uma cachoeira localizada na Reserva Apucaraninha, dos índios caingangues, que fica a 80 quilômetros do Centro da cidade, no distrito de Lerroville. Com 116 metros de queda d’água e linda paisagem garante-se um refrescante lazer! O acesso à reserva é feito por estrada de terra. Apesar de turístico, o local não conta com estrutura para visitantes, não tem área para informações e nem banheiros. Tem um mirante para a cachoeira e é proibido acampar, mas o passeio compensa!

A cultura dos londrinenses fica por conta do Cine Teatro Ouro Verde, símbolo cultural da cidade. Na década de 1950, empresários do ramo automotivo de Londrina lançaram uma ideia: construir um luxuoso cinema na esquina das ruas Maranhão e Minas Gerais. Com o intuito de oferecer diversão, o cinema também serviria para atrair clientes para a concessionária de carros. Em 1953, ficava pronto o Cine Teatro Ouro Verde, com poltronas de couro, cortinas de veludo, moderno sistema de som e capacidade para 1,5 mil pessoas. O Ouro Verde exibia filmes, musicais, peças teatrais, apresentações de orquestras e acolheu várias formas de arte. Em 1978, foi adquirido pela UEL e passou a se chamar Cine Teatro Universitário Ouro Verde. Em 2000, o prédio foi tombado pelo Patrimônio Histórico e Artístico Cultural do Paraná. Em 2012, um curto-circuito entre o forro e o telhado causou um incêndio que destruiu parte do edifício, obrigando a suspensão das atividades. Foram cinco anos de reforma. A reinauguração ocorreu em 30 de junho de 2017, com apresentação de orquestra e coral e uma peça teatral.

A cidade tem etnias de várias culturas, e diversas culturas religiosas também, como atesta o Templo Budista Hompoji, que foi inaugurado em agosto de 1950. Construído em madeira, é um exemplar da arquitetura japonesa no norte do Paraná. É aberto ao público e tem entrada franca.

E ainda tem o Estádio do Café, que recebe os jogos do Londrina Esporte Clube, e outros jogos de competições nacionais. O Tubarão, apelido do time da cidade, está atualmente, na Série B, do Campeonato Brasileiro.

De tudo um pouco, e para todos os orçamentos. Londrina é assim e espera você de braços abertos!

Viaje de ônibus e vá você também pra Londrina!

Foto: Thiago Oliveira @ Pexels

Categories:

Siga a Fepasc em todas as redes sociais: linktr.ee/fepasc